1
2
3
 
 
 
Chega Mais
Início: 16:30 - Término: 20:00
Com: Bhya Amabylle
» Ver toda programação
 
 
 
 
 
« Voltar



Conhecida por não ter o hábito de se manifestar publicamente sobre suas opiniões políticas, Taylor Swift decidiu mudar essa sua diretriz. A estrela declarou apoio ao candidato democrata ao senado pelo Tennessee Phil Bredesen. Para justificar a sua decisão, Swift disse que muitos eventos acontecidos recentemente nos EUA e no mundo fizeram com que ela se sentisse diferente sobre o assunto. "Eu sempre votei e sempre votarei baseada em qual candidato irá proteger e lutar pelos direitos humanos que todos nós merecemos neste país. Eu acredito na luta pelos direitos LGBT, e que qualquer forma de discriminação baseada em orientação sexual ou gênero é ERRADO.

Acredito que o racismo sistêmico que ainda vemos neste país em relação a pessoas de cor é aterrorizante, repugnante e predominante. Eu não posso votar em alguém que não esteja disposto a lutar por dignidade para TODOS os americanos, não importa sua cor de pele, gênero ou quem eles amam", escreveu a cantora em uma longa postagem no Instagram. Por isso, ela disse que apesar de gostar de sempre votar em mulheres, dessa vez não dará o seu voto para Marsha Blackburn, que, segundo a artista, tem um histórico de votações no Congresso que lhe causam repulsa - a candidata teria votado a favor da falta de igualdade de pagamentos de salários entre pessoas do sexo masculino e feminino e contra a lei que tenta coibir a violência doméstica e outras formas de abuso contra as mulheres. Swift também declarou voto em Jim Cooper para a casa dos representantes, no próximo dia 6 de novembro. Com informações VAGALUME. 

 
 
Acompanhe-nos através de suas redes sociais favoritas:
  
 
Nenhuma enquete ativa para exibir!