1
2
3
4
5
 
 
 
  Programação Normal
PlayList
 
 
 
 
« Voltar



O juiz federal Sérgio Moro afirmou, nesta quinta-feira, 26, que a ação penal em que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é réu e que envolve o sítio de Atibaia (SP) tem por base outras provas além dos depoimentos dos delatores da Odebrecht. O argumento foi apresentado por Moro em um despacho e se refere a decisão da 2ª Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) de tirar trechos da delação da empreiteira do processo. "Oportuno lembrar que a presente investigação penal inciou-se muito antes da disponibilização da este juízo dos termos de depoimentos dos executivos da Odebrechet em acordos de colaboração, que ela tem por base outras provas além dos referidos depoimentos, apenas posteriormente incorporados, e envolve também outros fatos, como as reformas no mesmo sítio supostamente custeadas peo grupo OAS e por José Costa Marques Bumlai (amigo de Lula)", disse Moro no despacho. Com base na decisão da Corte, os adbogados do petista pediram que o juiz envie imediatamente para a Justiça Federal de São Paulo os dois processos que tramitam em Curitiba contra Lula (além da ação sobre o sítio, o ex-presidente é réu em outro processo que investiga um terreno que seria dado ao instituto que leva o seu nome e o aluguel de um apartamento vizinho ao seu. As duas ações não têm relação com o caso do triplex, que levou Lula à prisão. Com informações Bem Paraná.

 
publicidade lateral
 
Acompanhe-nos através de suas redes sociais favoritas:
  
 
Nenhuma enquete ativa para exibir!
 
 
publicidade lateral