1
2
3
4
5
6
 
 
 
É De Casa
Início: 13:00 - Término: 15:00
» Ver toda programação
 
 
publicidade lateral
 
 
« Voltar



A governadora Cida Borghetti anunciou nesta quinta-feira (10), no Palácio Iguaçu, em Curitiba, ações para fortalecer a rede de atenção à pessoa com deficiência. A partir de agora, 86 Apaes do Paraná que nunca foram contempladas com repasses de recursos da saúde passam a ter acesso ao piso mínimo de R$ 5 mil por mês e outras 23, que recebiam abaixo do piso, tiveram o valor elevado. Dessa forma, todas as instituições do Estado passam a receber o montante mínimo.
Além disso, Cida também anunciou a aquisição de 100 cadeiras de roda motorizadas para pessoas com deficiência e formalizou um termo de cooperação técnica com o Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional para a capacitação de profissionais. O investimento em todas as ações soma R$ 65 milhões, provenientes do Governo do Estado e do governo federal.
Para a governadora, o dia foi histórico. “O Governo precisa fazer ações para melhorar cada vez mais a qualidade de vida das pessoas com qualquer tipo de necessidade. Temos que lutar em prol deles porque todos somos iguais e devemos ter o mesmo tratamento, as mesmas condições e o mesmo apoio do poder público, seja na esfera estadual, federal ou municipal”, disse.
Ela reforçou, ainda, que tem um compromisso com toda a população do Estado. “Vamos colaborar cada vez mais com todos os 399 municípios do Paraná, de igual maneira, porque são neles que as pessoas vivem e merecem todo o nosso respeito”, concluiu.
APAES – O repasse mensal de recursos do SUS para as Apaes soma R$ 3,5 milhões e será acrescido de R$ 500 mil do governo estadual. “O Paraná se materializa como a primeira unidade da federação a incluir 100% das Apaes na lista de repasse, e isso se traduz em benefícios às pessoas atendidas e a seus familiares”, disse o secretário de Estado da Saúde, Antonio Carlos Nardi.
Para o presidente da Federação das Apaes do Estado do Paraná, Fernando Meneguetti, a inclusão de todas as instituições era uma demanda antiga da categoria. “É um sonho realizado que, sem dúvida, vai ajudar muito todos os nossos 35 mil alunos. Só tenho a agradecer ao Governo do Estado, que é nosso maior parceiro”, disse ele.
A secretária de Estado da Família e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa, lembrou que, desde 2011, cerca de R$ 1,2 bilhão foram investidos pelo Governo do Estado nas Apaes paranaenses, sendo R$ 125 milhões apenas da sua pasta. “No Estado inteiro trabalhamos em apoio a essa causa, buscando sempre melhorar a qualidade de vida dos alunos e de seus familiares”, disse.
A atualização dos valores do SUS às Apaes foi definida por uma portaria assinada pelo deputado federal Ricardo Barros em dezembro de 2017, que na época era ministro da saúde. “Nós fizemos um esforço para que todas as Apaes que não tinham credenciamento, convênio e apoio passassem a ter. O resultado está aqui agora”, disse Barros.
FISIOTERAPIA – A cooperação técnica entre o Governo do Estado o e Conselho de fisioterapia, assinada pela governadora, visa a capacitação permanente dos profissionais da Atenção Primária na Rede de Atenção à Pessoa com Deficiência. No total, cerca de 300 profissionais de oito regionais da saúde já foram capaciitados e outros 400 ainda receberão treinamento.
Para o presidente do conselho, Abdo Zeghbi, essa capacitação constante vai promover mais qualidade de vida a quem precisa de apoio. “Estamos levando, através do movimento, saúde para a população, principalmente aquelas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis (DCNTs), como diabetes e obesidade”, salientou.
EQUIPAMENTOS – As 100 cadeiras motorizadas anunciadas pela governadora serão dirigidas a pessoas com deficiência e que têm dificuldades de locomoção. A distribuição será feita através do Centro Hospitalar de Reabilitação, do Governo do Estado, aos pacientes que têm essa indicação de todo Estado.
Na cerimônia, além do anúncio sobre os novos equipamentos, também foi entregue a cadeira nº 200, do lote de cadeiras convencionais, e anunciada a aquisição de mais 56. “Nesse governo, nós temos olhar e sensibilidade com as pessoas que têm necessidades”, disse o secretário da Saúde, Nardi.
PRESENÇAS – Participaram da solenidade o diretor-geral da Secretaria de Estado da Saúde, Sezifredo Paz; a secretária municipal da Saúde de Curitiba, Márcia Huçulak; a coordenadora nacional de Saúde para Pessoas com Deficiência, Odilia Brigido de Sousa; a deputada estadual Maria Victória e representantes das Apaes do Paraná. Com informações Bem Paraná.

 
publicidade lateral
 
Acompanhe-nos através de suas redes sociais favoritas:
  
 
Nenhuma enquete ativa para exibir!
 
 
publicidade lateral