1
2
3
 
 
 
  Programação Normal
PlayList
 
 
publicidade lateral
 
Uma boa tarde...
Ednete Almeida - Fortaleza/CE
24/05/2021 - 15:06
-----------------------

Boa tarde, um alô especial para Difusora Cristal...
Adriana - Quixeramobim/CE
06/05/2021 - 15:36
-----------------------

Bom dia a todos da Difusora Cristal, ótimo programa, estou sempre ligado! ;)...
Reinaldo Alves - Quixeramobim/CE
30/04/2021 - 10:03
-----------------------

Sou ouvinte da Difusora Cristal, a melhor da região!...
Aurenice - Quixeramobim/CE
26/04/2021 - 11:35
-----------------------

Bom dia Getúlio, tudo bem meu amigo, Aki ouvido os anos carregados, se for possível toda Nilton Cesar, a namorada que sonhei, obrigado, boa Páscoa, fica com Deus....
Junior Sousa - São Paulo/São Paulo
04/04/2021 - 8:40
-----------------------

Estou aqui no sofá assistindo vcs ao vivo Ouvindo esse hino maravilhoso Ofereço todos São Belnt o Veneza a todos vcs paróquia um abraço...
Goret - Jundiaí/São Paulo
14/03/2021 - 12:00
Resposta: Agradecemos a participação !
-----------------------

------------------------

» Enviar recado

» Ver todos os recados
 
publicidade lateral
 
 
« Voltar



Dólar cai antes de dados de preços ao produtor nos EUA e à espera de Fed

imagem: nota de dólares

LONDRES (Reuters) – O dólar caía nesta terça-feira contra uma cesta de importantes moedas, com investidores analisando o noticiário recente sobre a variante Ômicron do coronavírus em meio a expectativas pela sinalização de política monetária do Fed na quarta-feira.

Ainda nesta manhã, dados de preços ao produtor (PPI, na sigla em inglês) nos EUA podem cimentar expectativas de que o Fed irá anunciar uma redução mais acelerada de seu estímulo, permitindo-lhe encerrar as compras de títulos por volta de março e partir para aumentos das taxas de juros.

O PPI, que tem sido um indicador bastante confiável para a inflação ao consumidor, pode ter subido acima de 9% em termos nominais em novembro, devido à alta dos preços do petróleo.

O economista sênior do Mizuho ​​Colin Asher espera que o dólar se beneficie da postura mais agressiva do Fed em comparação com os pares do banco central, à medida que operadores ressuscitaram posições compradas em dólar desfeitas após a descoberta da variante Ômicron da Covid-19, que então havia reduzido expectativas de aumento de juros nos EUA.

“Por alguns dias após a parada causada pela Ômicron, os piores desempenhos foram as moedas com foco em commodities e crescimento global. Agora esse comércio se reverteu em certa medida. O dólar deve permanecer firme até que os mercados estejam convencidos de que a inflação dos EUA atingiu o pico”, disse Asher.

Às 8:45 (de Brasília), o índice do dólar –que mede o desempenho da moeda norte-americana frente a uma cesta de seis divisas– caía 0,27%, a 96,109.

O dólar recuava 0,07%, a 113,48 ienes. A moeda dos EUA cedia 0,41%, a 0,9187 franco suíço.

O euro subia 0,35%, a 1,1322 dólar. O dólar australiano caía 0,04%, a 0,7126 dólar norte-americano.

 

fonte: istoédinheiro

Autor(a): Sujata Rao



 
publicidade lateral
 
Acompanhe-nos através de suas redes sociais favoritas:
  
 
Nenhuma enquete ativa para exibir!
 
 
publicidade lateral