1
2
3
 
 
 
Amanhecendo na Difusora
Início: 05:00 - Término: 08:00
Com: Carlinhos Eloi
» Ver toda programação
 
 
publicidade lateral
 
Uma boa tarde...
Ednete Almeida - Fortaleza/CE
24/05/2021 - 15:06
-----------------------

Boa tarde, um alô especial para Difusora Cristal...
Adriana - Quixeramobim/CE
06/05/2021 - 15:36
-----------------------

Bom dia a todos da Difusora Cristal, ótimo programa, estou sempre ligado! ;)...
Reinaldo Alves - Quixeramobim/CE
30/04/2021 - 10:03
-----------------------

Sou ouvinte da Difusora Cristal, a melhor da região!...
Aurenice - Quixeramobim/CE
26/04/2021 - 11:35
-----------------------

Bom dia Getúlio, tudo bem meu amigo, Aki ouvido os anos carregados, se for possível toda Nilton Cesar, a namorada que sonhei, obrigado, boa Páscoa, fica com Deus....
Junior Sousa - São Paulo/São Paulo
04/04/2021 - 8:40
-----------------------

Estou aqui no sofá assistindo vcs ao vivo Ouvindo esse hino maravilhoso Ofereço todos São Belnt o Veneza a todos vcs paróquia um abraço...
Goret - Jundiaí/São Paulo
14/03/2021 - 12:00
Resposta: Agradecemos a participação !
-----------------------

------------------------

» Enviar recado

» Ver todos os recados
 
publicidade lateral
 
 
« Voltar

Godoy fala de programa que tem como objetivo resolver esse problema

O ministro da Educação, Victor Godoy, afirmou hoje (27) que há um desafio na educação básica brasileira de resolver o desnível entre estudantes que estão em uma mesma série. Em entrevista hoje (27) ao programa  A Voz do Brasil, ele afirmou que, muitas vezes, alunos não têm o conhecimento exigido daquela série específica.

“Hoje você tem um grande desnível. Um professor de matemática do 6º ano recebe alunos que estão em diferentes níveis de conhecimento e ele não tem como identificar isso”, disse.

Segundo Godoy, lidar com essa questão é um dos objetivos da Política Nacional para Recuperação das Aprendizagens na Educação Básica, implantada em maio deste ano. “É uma política que é bastante abrangente porque ataca várias dimensões dessa recuperação dos estudantes, tanto no que se refere aos conhecimentos que foram perdidos quanto ao combate à evasão e ao abandono e ao desenvolvimento de competências socioemocionais. Tem o uso de tecnologia para acelerar todo esse processo”.

O ministro citou a existência de uma nova plataforma diagnóstica e formativa, aberta a escolas de todos os estados e municípios. O instrumento permite, segundo ele, que o professor faça testes para diagnosticar o nível de conhecimento dos alunos em quatro disciplinas (língua portuguesa, matemática, ciências e inglês), do primeiro ano do ensino fundamental ao terceiro ano do ensino médio.

“O aplicativo vai mostrar, de acordo com o nosso currículo nacional, para o professor, quais são os conhecimentos que aquele aluno deveria ter e não tem. E vai orientar a escola a reagrupar os estudantes de acordo com o nível de conhecimento. Ele vai ver os alunos que não sabem somar, do 3º ano, do  4º ano, do 5º ano, do 7º ano, do 8º ano, vai reagrupar esses estudantes e vai trabalhar esse reforço escolar com esses estudantes”.

Segundo Victor Godoy, a plataforma hoje é utilizada para avaliar e auxiliar a recuperação de mais de 6 milhões de alunos.

 

Fonte; Agência Brasil

 
publicidade lateral
 
Acompanhe-nos através de suas redes sociais favoritas:
  
 
Nenhuma enquete ativa para exibir!
 
 
publicidade lateral